Pessoas a ler

3000 cartas de amor...

3000km de saudade e nem dás por isso,
3000km de cheiros diferentes do teu,
3000km de toques diferentes do teu,
3000km de pessoas que não me preenchem como tu o fazes,
3000km de vontade de te beijar,
3000km,
e as contas já são muitas, muitos quilómetros a separar o que 5 meses uniram,
cinco meses de paixão que agora foram postos à derradeira prova,
dias sem conta de noites sozinho, numa cama que não tem o teu cheiro,
Tento manter me concentrado em ti, mas cada lágrima leva-me a voar para longe,
e cada cheiro na tua roupa deixa-me morto por dentro,
como um pardal preso numa gaiola, ou um melro sem voz.

3000Km,
e a esperança de um fim rápido alegram a minha alma,
como o açúcar num café à tarde,
ou o sol num relvado de pessoas numa toalha,
o amor ferve feito agua numa panela, há espera do condimento essencial
para toda esta receita de vida,num imaginário louco de triunfos e derrotas.
Vagueando pelos meus dias continuo, à espera duma mensagem que me faça sorrir,
duma chamada que me faça pular de alegria numa fotografia mental em que somos, eu tu e a paisagem de mil árvores grandes e verdes a baloiçar ao sabor do vento.

3000km,
e o desejo aumenta a cada toque individualizado de um corpo comprado
pelo teu amor,
como um fogo meio apagado que pede mais lenha para arder,
um peixe fora de agua que se contorce para voltar ao seu mundo,
uma ave sem penas que se refugia num buraco e depois surge gloriosa no horizonte.
Um humano desesperado ansioso pelo teu doce e leve beijo
que trará de volta toda a vida e alegria,
plantada por ti no meu pequeno jardim
que tão orgulhoso costumo chamar de coração.

3000km de amor que guardo cá dentro, prestes a explodir para ti,
espera mais um pouco amor,
não tarda muito,
vai abrindo a cama que estou a caminho,
vai desligando as luzes e deita-te,
aconchega-te nas mantas e ouve os meus passos ao fundo do corredor,
sente-me entrar na cama, com os pés gelados,
e num movimento ardiloso mas gentil, procuro os teus pés,
agarro-me a ti com a força de mil titans e beijo te com a fome de mil lobos,


Porque o tempo e lento e demora,
mas o meu amor e forte e perdura.

Porque te amo de uma maneira especificamente inexplicável,
mas mais pura e sincera que um diamante...

AMO-TE MUITO @

5 comentários:

Daniela B. disse...

Gosto muito xuxu..=)

marisinha disse...

adorei!!!como adoro todos os que escreves :) mas este ta kkr coisa fantastica e sentida "é lutando que vamos conseguindo aos poucos o que queremos":)

AnaRito disse...

gosto muito

confia ♥ disse...

Olá Francisco :), sempre foi o meu nome preferido .
Passei umas horinhas a ler tudo o que escreves-te desde o inicio é so te posso dizer que me vieram as lágrimas aos olhos, muitas vezes :)
Mas eu não tenho vergonha de dizer isto, sempre fui assim, sempre fui uma menina sensivel e que viaja pelo mundo dos outros.
Percebi que és batalhador, percebi que já sofreste e continuas a sofrer, percebi que sentes falta de alguem , percebi que conheces a verdadeira amizade e o amor. Percebi que tens principios e bons valores e so te dou os parabéns, pois de hoje em dia há poucos assim mas tu vales por muitos.

Deves estar a pensar " nem me conhece" mas pelo que eu li fiquei a conhecer muito .
Admiro-te pela pessoa que mostras ser e por conseguires transformar em palavras aquilo que sentes .

Espero que sejas muito feliz . ♥

Joana .

Wilson de Figueiredo disse...

bonita declaração.